7 perguntas que você deve responder antes de abrir uma empresa

Começar um negócio envolve muita burocracia, mas também existem outros pontos essenciais a serem pensados.

Imagem 7 perguntas que você deve responder antes de abrir uma empresa

Pode parecer ultrapassado para os novos empreendedores, mas existem alguns conceitos antigos que continuam sendo muito válidos na hora de abrir uma empresa.

Muito falamos por aqui das características do empreendedor e de assuntos mais burocráticos para iniciar um novo negócio, mas hoje a vez é de debater algumas perguntinhas mais ideológicas que você deve se fazer antes de iniciar um novo projeto.

Ah, é importante avisar que todas as perguntas que estamos fazendo aqui estão interligadas, você vai perceber. Ou seja, respondendo uma é provável que você encontre a resposta para a seguinte e assim por diante.

1. O que te motiva?

Não estamos falando de ganhar dinheiro, ficar muito rico e poderoso. Isso é tão óbvio, afinal, quem é que gosta de trabalhar sem ter retorno?

Portanto, comece analisando por aí: se a sua principal motivação é o lucro, talvez você precise encontrar um propósito maior. Algo que faça o seu coração bater mais acelerado quando você fala sobre o seu negócio, sabe?

Isso tudo pode parecer muito romântico, eu sei, mas se você não começar um empreendimento que tenha um propósito real, como você vai vender o seu produto?

No que você acredita e quer fazer com que os outros também acreditem?

2. Que tipo de empresa você quer construir?

Essa é uma questão um pouco complexa, então uma boa ideia é começar pensando em empresas que você admira. Existe alguma marca que você acha que foi bem construída e que você aprecia os valores?

Também é possível pensar de trás pra frente: daqui a 15 anos, como você quer que o seu negócio seja visto? Como você quer ver o seu legado?

3. Qual é a cultura que você deseja levar adiante?

Ao pensar no que você quer construir, você já pode pensar na cultura que você vai levar adiante. Ao formar uma equipe, por menor que ela seja no início, muito do seu caráter e sonhos pessoais acabam sendo transferidos para seus colaboradores.

Por isso a importância de ter em mente qual o seu real propósito e como você pretende construir isso. O que você tem de mais positivo para compartilhar e como você lida com as pessoas são alguns dos pontos que têm total impacto na formação da cultura da empresa.

4. Quão são os seus valores?

Ao começar em um novo trabalho você já recebeu uma cartilha contendo a missão, visão e os valores da empresa? Então, o que para alguns pode parecer “antigo” ou mesmo ultrapassado, para a base de uma entidade é essencial.

Faça uma lista de quais valores você vê como essenciais para você. A partir deles você poderá delimitar os valores da empresa — obviamente, se houver um ou mais sócios, os valores deles também estão em jogo — que, dificilmente passarão longe dos seus próprios princípios. Quem você é? Quem é a sua empresa?

abrir uma empresa

5. Qual é a sua visão de futuro?

A visão está bem alinhada ao propósito. Uma vez que você sabe o que te motiva, fica mais fácil visualizar o horizonte do seu negócio. Prever o próximo ano e até mesmo a próxima década é algo que pode acontecer naturalmente.

Até onde você quer e pode chegar? Quais metas você quer atingir como instituição?

É claro que essas ideias podem ir mudando com o tempo, mas ter uma base firmada no seu propósito inicial é importante.

6. Que impacto que você quer promover no mundo?

Não dá para pensar pequeno: tudo o que fazemos, mesmo como indivíduos, tem algum impacto no mundo. Então, lembrando disso, quais são as “consequências” que você quer causar com o seu serviço? Como você quer impactar o seu bairro, sua cidade, seu país, enfim, o mundo em que você vive?

Se quiser se inspirar, analise alguns negócios baseados na economia do compartilhamento. Como já falamos por aqui, essa tendência só tende a crescer e fazer bem para a sociedade.

7. Por que você é a melhor pessoa para fazer isso?

Esse é um questionamento importante, afinal, você precisa saber qual é o seu diferencial. O que o seu produto vai ter de mais especial e como você domina o seu business? Você saberia explicar por que você é a melhor pessoa para fazer o que você faz? Como você se diferencia de um negócio que parece semelhante ao seu?

Sim, são muitas questões para responder, mas todas elas ajudarão você a compreender melhor por que você está onde está e por que está fazendo o que está fazendo.

Se quiser complementar a sua leitura, aproveite para dar uma olhada neste texto sobre algumas lições aprendidas a partir de um maior entendimento do Airbnb. Dá para se inspirar bastante!

 

Leia também:

244

Espaços de Coworking conhecidos
em São Paulo

Alterar região ↺

Experimente trazer a sua empresa para um ambiente
mais inspirador, ágil e flexível.

Conheça todos espaços em São Paulo Eu não estou em São Paulo ↺